sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

A VERDADE, A MENTIRA, O FOGO E A ÁGUA

A verdade, a mentira, o fogo e a água estavam viajando juntos quando avistaram um rebanho de gado abandonado. Discutiram a questão e chegaram à conclusão de que seria melhor dividir o rebanho em quatro partes iguais para cada um. Infelizmente, a mentira, gananciosa, arquitetou um plano para ficar com a maior parte, ou todas as partes.
- Ouça o meu conselho - sussurrou ela, para a água - O fogo está planejando queimar toda a relva das suas margens para conduzir seu gado pela planície e ficar com os animais só para si. Se eu fosse você, acabaria com ele e assim repartiríamos a parte dele entre nós.
A água foi toda o suficiente para acatar o conselho da mentira e lançou-se sobre o fogo até apagá-lo. Em seguida, a mentira dirigiu-se para a verdade, dizendo:
- Veja só o que fez a água! Acabou com o fogo para ficar com o gado dele. Não deveríamos associar-nos a alguém assim; deveríamos, ao contrário, pegar todo o gado e partir para as montanhas. A verdade acreditou nas palavras da mentira e concordou com seu plano. Juntas, levaram todo o gado para as montanhas.
- Esperem por mim - disse a água, correndo no seu encalço, mas é claro que não conseguiu correr morro acima e assim, foi deixada para trás, no vale. Ao chegarem no topo da montanha mais alta, a mentira virou-se para a verdade e disse com uma gargalhada:
- Consegui enganá-la, sua idiota; agora, você vai me dar todo o gado e será minha escrava ou, então, eu a destruirei.
- Ora essa - disse a verdade, você pode até ter me enganado, mas eu jamais serei sua escrava. Depois da discussão as duas brigaram violentamente, sem, contudo, nenhuma vencer completamente a outra. Resolveram então chamar o vento para dizer quem seria a vencedora. O vento subiu a montanha e sentenciou:
- A mentira vai aparecer por toda a vida, em quase todas as situações, mas a verdade deve estar sempre pronta para lutar contra ela; somente assim o mundo terá sentido, e só assim o equilíbrio, a justiça e a harmonia triunfarão. (Gabi)

4 comentários:

Carl disse...

Hello Gabi,
This is the first time I have visited your site and I have enjoyed it very much.
I look forward to reading you in the future.
Regards,
Carl

Alexandre disse...

Olá boa noite Gabi tudo bem, deixa eu me apresentar, meu nome é Alexandre estou passando aqui para conhecer e vizitar o seu blog, alias parabéns, muito legal e de boa qualidade e bom gosto o seu blog, aproveito para convidar vc a conhecer ou vizitar o meu blog, se quizer seguir também será bem vinda por lá, alias já estou seguindo o seu também, novamente parabéns pelo blog e espero sua vizita por lá, o endereço do meu blog é: friendnovo.blogspot.com, um ótimo domingo beiju.

O gerente disse...

Verdade. Sabios dizeres. Afinal, a mentira tem um peso destruidor e faz sombras pertubadoras por onde o individuo passa. Nossa.. ficou sinistro ne? Beijos!

Garcia Netto disse...

Alo Gabi.
Li você ali na Liliana. Passei por cá para deixar um abraço.
Enquanto existirem pessoas que combatam mentiras e lutem pela permanente afirmação do equilíbrio e justiça se poderá acreditar na esperança.Abraço do Garcia Netto